segunda-feira, 7 de julho de 2014

Como saber se você treina certo ou errado na academia!

Vamos aqui, discutir a importância do tempo de intervalo.

Muita gente pensa que um treino de resistência é igual a 3x15, hipertrofia 4x10 e força máxima 4x6 ou menos repetições com mais  peso, Só que não é bem assim que funciona, quando pensamos neste estilo de treino temos que levar em conta o percentual de recuperação do ATP(fonte de energia utilizada na musculação), então não adianta eu pedir para um aluno treinar 15 movimentos e ele recuperar 100% da energia, isso vai gerar um ganho de força e hipertrofia pois o exercício vai ficar fácil e consequentemente a carga vai ser elevada. Para que o treino seja caracterizado como resistência muscular ele teria que recuperar um percentual menor de energia, assim, aumentando a resistência a produção de lactato.


Agora, falando de hipertrofia, acontece o contrário, alunos apressados dando pouco tempo de intervalo para um exercício que exige grande recuperação para que se possa trabalhar com cargas elevadas e que haja uma menor produção de lactado(substância que nos faz sentir "queimar a musculatura") possibilitando assim um aproveitamento melhor, assim podemos caracterizar o treino como o de hipertrofia.

Exemplo dos tempos de intervalo adequados a praticantes de musculação:
Resistência muscular - 15 a 20 repetições  30" a 45" de intervalo
Hipetrofia muscular - 8 a 12 repetições  1'a 2' de intervalo
Força máxima - 4 a 6 repetições 2' a 5'
Treinamento explosivo - 8 a12 repetições 2' de intervalo

Curtiu?Não esqueça de clicar no +1 e ajude a divulgar este post no facebook ou no twitter utilizando os atalho abaixo.